Obrigada pelo interesse em meu trabalho!
Por favor, preencha o formulário abaixo para entrar em contato comigo.

Obrigada! Sua mensagem foi enviada! :)

Oops! Ocorreu um erro ao enviar o formulário.
Verifique as informações e tente novamente.

_
_
_
HOME
>
BLOG
>
Desenhos da Semana
>
Desenhos da Semana #109

Desenhos da Semana #109

De volta aos rabiscos tradicionais em canetas nanquim, pintura digital e alternativas ao bloqueio criativo.

comentários

Peço desculpas pela correria das últimas semanas e por este post não ter saído no dia 8, como deveria ser. Estou com um bilhão de coisas para resolver, seja pessoal e do trabalho e, por conta disso, desenhei muito pouco naquela semana.

Acho que já comentei aqui algumas vezes que quando estou com a cabeça cheia fico com a criatividade bloqueada. É um sentimento bem ruim, sabe? Olhar para o papel e não saber exatamente o que você quer trazer ao mundo. Sei que todo artista passa por isso, de uma forma ou de outra. A minha costuma ser, justamente, quando estou com muitas coisas para resolver. Fica difícil de me concentrar em desenhar quando estou assim. Fora a correria, né? Odeio ter que desenhar às pressas porque tenho algum outro compromisso pendente, martelando na cabeça, haha.

Bom, vamos aos desenhos. Explicarei também um pouco do porquê fiz cada um nesse momento :)

Esse foi o único desenho que fiz naquela semana. Comecei por esse sketch sem referência.
Resolvi voltar um pouco para o tradicional para soltar a mão. O legal de trabalhar com canetas nanquim é que me obriga a ser mais cautelosa, detalhista. Ajuda a focar em algo específico.
Desenho finalizado. A ideia é um mago "diferente", haha.
Início do outro sketch em canetas nanquim.
Sim, também sem referência.
Como costumo comentar aqui, de vez em quando gosto de fazer sketches sem referência para saber onde estou, o que devo melhorar. Sempre me empolga quando percebo certas melhoras sutis e isso também ajuda a sair do bloqueio criativo. Nesse caso foi o melhor desenho de anatomia e mão, algo que venho trabalhando bastante nos últimos anos.
Desenho finalizado.
Esse foi mais um rabisco solto do que qualquer outra coisa. Sem se preocupar tanto com o que é certo ou errado, apenas uma interpretação de uma referência. Ajuda também a sair do limbo.

É legal também desenhar tudo o que estiver na cabeça. Coisas que talvez você nem sequer desenharia se estivesse mais focado. Isso ajuda a selecionar suas melhores ideias e separá-las das ruins. Enfim, o importante é sempre desenhar, seja o que for. Sei o quão difícil isso é quando estamos passando por um bloqueio criativo, mas as dicas que você leu aqui costumam me ajudar. Espero que te ajudem também :)

Daniela S. Nassetti
Designer Gráfico, Web Designer e Ilustradora
Fascinada por games e arte conceitual, busca o sonho de ser concept artist. É Designer, formada pela Escola Panamericana de Arte e Design com experiência há mais de 15 anos na profissão.

Posts ReLACIONADOS